domingo, 21/04/2024
InícioCotidianoJuiz aceita denúncia e anestesista se torna réu por estupro de vulnerável

Juiz aceita denúncia e anestesista se torna réu por estupro de vulnerável

  O juiz Luís Gustavo Vasques, da 2ª Vara Criminal de São João de Meriti, no Rio de Janeiro, aceitou neste sábado (16) a denúncia ofertada pelo Ministério Público contra o o anestesia Giovanni Bezerra, que está preso preventivamente após ser filmado abusando sexualmente de uma mulher em trabalho de parto. Com isso, o médico se torna réu e passa a responder a ação penal.

A denúncia do MP do Rio de Janeiro aponta o crime de estupro de vulnerável. De acordo com a denúncia do órgão, Giovanni Bezerra teria agido de forma livre e consciente para praticar os atos libidinosos diversos da conjunção carnal com a vítima, impossibilitada de oferecer resistência em razão da sedação anestésica ministrada.

- Continua depois da Publicidade -

Além da prisão, o anestesista terá de pagar uma indenização de, pelo menos, 10 salários mínimos à vítima pelo crime registrado durante a realização de uma cesárea no hospital São João de Meriti, na Baixada Fluminense.

A Polícia Civil investiga mais de 30 possíveis vítimas de Giovanni Bezerra. Indícios apontam que outras pacientes também relatam efeitos de uma dosagem maior de sedação.

Metropoles

VOCÊ PODE QUERER VER TAMBÉM

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Publicidade -

Mais Lidas

- Publicidade -

Últimas

- Publicidade -
- Publicidade -